21.10.14

Lately







Depois de uns dias em que o Outono parecia ter vindo para ficar, regressaram os dias de Verão em força, e não me consigo decidir quais prefiro. O tempo até me parece irrelevante, o que me apetecia mesmo eram dias de descanso, a outro ritmo, para me poder focar no que mais sentido me faz...
Tal como o tempo, oscilo entre o sonho e a realidade, num jogo de equilíbrios quase bipolar. Como a D. tão bem expôs, talvez o segredo não esteja nas muitas frases de incentivo ao sonho como finalidade, e o caminho certo seja o do meio, aquele que se compromete entre o que queremos e o que precisamos. Principalmente se não estamos certos de saber exactamente o que queremos. Talvez o meu problema não seja não saber o que quero, mas sim o querer algo que não me parece possível. Por outro lado, dizem que o universo nos dá o que pedimos, quando pedimos algo em concreto, mas se não soubermos bem o que pedir (ou como pedir o caminho do meio), em que ficamos? 

...

After some days when Autumn seemed to have come to stay, Summer days are back in their full strength, and I cannot decide which ones I prefer. Actually, the weather looks irrelevant for me, what I really wanted was a few days of rest, with a different rhythm, to be able to focus in what really makes sense for me...
Just like the weather, I dangle between dream and reality, in a game of balance that is almost bipolar. Like D. wrote, so well, maybe the secret is not in the many quotes of encouragement to dream as a purpose, but the right way is the one in the middle, the one that commits between what we want and what we need. Specially if we're not sure to know exactly what we want. Perhaps my issue isn't  not knowing what I want, but rather wanting something that does not seem possible. On the other hand, they say the universe gives us what we ask for, if we ask for something concrete, but, what if we're not sure about what to ask for (or how to ask for the middle way)?


Inspiration
::: video
::: story
::: post

20.10.14

My Soundtrack

(Photo by me)


Infinite arms (Band of horses) 
Broken nose (Jay-Jay Johanson) 
Paper aeroplane (Angus & Julia Stone) 
Babel (Massive Attack)

14.10.14

Lisboa








É sempre bom voltar a Lisboa, deambular pelas ruas sem rumo e tentar captar a sua luz inconfundível. O passeio foi curto, mas soube-nos mesmo bem!
...

It's always nice to go back to Lisbon, roam through its streets randomly, and try to capture its unique light. It was a short walk, but it felt really good!

9.10.14

Autumn light





Aquela luz inconfundível das tardes de Outono, à qual não consigo resistir...
...
That unique light of Autumn afternoons, which I cannot resist...

8.10.14

Earth Collection - tags








Como já é hábito, a Earth Collection também tem direito a etiquetas personalizadas para cada mala. Estas são bordadas, contendo ainda toda a informação necessária para a lavagem das peças.
...
As usual, Earth Collection has also customized tags for each bag. These are embroidered, and contain all the info about washing.

1.10.14

Goodbye September


Momentos do mês de Setembro que passou... a procura constante da luz, nos dias de sol mas também nos mais chuvosos... Bem-vindo Outubro!
...

Moments of a September that has now come to an end... constant searching for light, on sunny days but on rainy ones as well... Welcome October!